ENTENDA MELHOR SOBRE A TERAPIA DO GANCHO

 
A crochetagem é o método de tratamento, que através do gancho, visa à diminuição da de dor, manutenção e ganho de amplitude de movimentos, devido à ruptura das aderências funcionais do tecido conectivo geradas por mecanismos traumáticos e/ou inflamatórios no aparelho locomotor.

O método visa promover uma melhora da capacidade funcional do sistema músculo-esquelético, livre de dor, além de diminuição das compensações corporais devido às tensões das fasciais exercidas por aderências e, transmitidas ao corpo através das cadeias fasciais.

Gancho

EFEITOS

EFEITO CIRCULATÓRIO: Hiperemia profunda, ou seja, aumento da circulação sanguínea local, devido à vasodilatação reflexa causada pela estimulação do tecido.

EFEITO NA CIRCULAÇÃO LINFÁTICA: O edema ou aumento de líquido no espaço intersticial dificulta a drenagem do sistema linfático. A técnica do gancho (como descrito anteriormente) gera uma vasodilatação reflexa resultando em uma diminuição na pressão hidrostática evitando a formação de edema.

EFEITO MECÂNICO: Quebra das aderências dos tecidos conectivos, além da melhora da mobilidade e fluidez dos líquidos insterticial.

EFEITO REFLEXO: Por inibição de pontos gatilhos, onde de forma reflexa obtemos o relaxamento muscular (Jones)

EFEITOS GERAIS: Recuperação da função dos tecidos moles; diminuição da memória traumática mio-fascial; diminuição das estimulação das terminações nervosas livres, o que resulta em diminuição da dor, recuperação da amplitude de movimento.

Tratamento Gancho

INDICAÇÕES

– Tratamento cicatricial (fase intermediária/tardia)
– Quebra de tecido fibroso
– Patologias crônicas (tendinoses)
– Patologias músculo-tendinosas
– Síndromes dolorosas
– Encarceramentos (Síndrome do túnel do carpo)
– Edema

CONTRA – INDICAÇÕES

– Fragilidade Capilar
– Feridas Abertas
– Cicatriz (fase inflamatória/primeiros 7 dias)
– Problemas circulatórios
– Uso de anticolagulantes
– Idade

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *